ÓCULOS PARA CRIANÇAS

POR QUE UMA CRIANÇA PRECISA DE ÓCULOS?

As crianças podem precisar de óculos por vários motivos, boa parte diferentes dos adultos. Como o sistema visual de uma criança está se desenvolvendo, especialmente durante os primeiros 5-6 anos de vida, os óculos podem desempenhar um papel importante para garantir o desenvolvimento normal da visão. Os principais motivos pelos quais uma criança pode precisar de óculos são:

  • Proporcionar uma melhor visão.
  • Para ajudar a posicionar os olhos quando estão desviados (estrabismo)
  • Ajudar a melhorar a visão de um olho fraco (ambliopia ou “olho preguiçoso”). Isso pode ocorrer quando há uma diferença de grau entre os dois olhos (anisometropia). Por exemplo, um olho pode ser normal, enquanto o outro olho pode ter uma necessidade significativa de óculos causados ​​por miopia, hipermetropia ou astigmatismo.

COMO UMA CRIANÇA PODE SER AVALIADA SE PRECISA DE ÓCULOS NA INFÂNCIA?

Um oftalmologista pode detectar a necessidade de óculos através de um exame oftalmológico completo. Normalmente, as pupilas são dilatadas para relaxar os músculos responsáveis pelo foco e obter uma medida precisa. Ao usar um instrumento especial, chamado retinoscópio, o oftalmologista do seu filho pode fazer uma receita adequada. O oftalmologista aconselhará os pais se há necessidade de óculos ou se é necessário apenas monitoramento.

QUAIS SÃO OS DIFERENTES TIPOS DE ERROS REFRATIVOS QUE PODEM AFETAR CRIANÇAS?

Existem 4 tipos básicos de erros de refração:

Miopia (míope) – Esta é uma condição em que a visão à distância é embaçada, e que não afeta a visão para perto. Isso ocorre com mais frequência em crianças em idade escolar, embora, ocasionalmente, crianças mais novas possam ser afetadas. A prescrição de óculos indicará um sinal de menos antes da prescrição (por exemplo, -2,00). Hipermetropia – A maioria das crianças é míope no início da vida (isso é normal!) E não precisa de tratamento para isso, pois pode usar os músculos que dão o foco para fornecer uma visão clara para a visão à distância e perto. Óculos raramente são necessários se a hipermetropia sob dilatação for menor que +1,00 ou mesmo +2,00. Uma prescrição para hipermetropia será precedida por um sinal de mais (por exemplo, +3,00).

Astigmatismo – o astigmatismo é causado por uma diferença na curvatura da superfície do olho. Em vez de ser como uma esfera perfeita (como uma bola de basquete), o olho é modelado com uma curva maior em um eixo (como uma bola de futebol americano). Se seu filho tiver um astigmatismo significativo, os detalhes podem parecer embaçados ou distorcidos. Os óculos prescritos para o astigmatismo têm maior curvaturaem uma direção da lente do que na direção oposta. Uma receita para o astigmatismo terá vários números e será mais ou menos assim: -2,00 +2,50 x 90.

Como vou conseguir que meu filho use óculos?

Essa é uma pergunta que a maioria dos pais faz, especialmente quando seu filho é um bebê ou criança pequena. A melhor resposta é que a maioria das crianças que realmente precisam de óculos os usa sem problemas (felizmente) porque percebem que os óculos melhoram sua visão. Inicialmente, algumas crianças podem mostrar alguma resistência ao uso dos óculos, mas é necessário que os pais demonstrem uma atitude positiva. Se a criança não cooperar, o médico poderá prescrever colírios que relaxam a musculatura ocular na tentativa de ajudar a criança a se adaptar aos óculos. As crianças só podem usar os óculos quando estão de bom humor e rejeitá-las (e tudo mais) quando não estão. As crianças em idade escolar e seus pais podem contribuir para a decisão sobre a necessidade de óculos. Algumas crianças podem ter pequenos erros de refração que não precisam de óculos, enquanto outras podem expressar preocupação com as dificuldades na sala de aula. A maioria das crianças com dificuldade de leitura não precisa de óculos, mas isso pode ser determinado durante um exame oftalmológico completo.

MEU FILHO PRECISA DE BIFOCAIS?

As crianças raramente precisam de lentes bifocais. Ocasionalmente, crianças que tem estrabismo convergente (esotropia) podem precisar de lentes bifocais para ajudar a controlar o desvio. Além disso, crianças que fizeram cirurgia de catarata geralmente precisam de óculos bifocais ou de leitura.

O QUE POSSO FAZER PARA AJUDAR O MEU FILHO A AJUSTAR OS ÓCULOS?

Obter um bom enquadramento por um oculista experiente em óculos pediátricos é de grande importância. A armação deve ficar muito confortável com o olho centrado no meio da lente. A armação deve estar ajustada para a idade atual – não daqui 1 ano . As lentes feitas de um material chamado policarbonato fornecerão a melhor proteção para o seu filho, porque esse material é à prova de quebra. As armações de muitas crianças têm cabos macios e confortáveis ​​que se ajustam às orelhas.

Adicionar uma tira ou pontas de silicone são adições simples que podem ajudar a manter os óculos na posição correta no rosto de uma criança (Figura 1). A maioria das crianças usa óculos bem se a receita estiver correta e deve se ajustar aos óculos dentro de duas semanas. Se o seu filho continuar reclamando que “não consigo ver com meus óculos” ou olhar constantemente por cima dos óculos, chame seu médico.

Fonte: https://aapos.org/glossary/glasses-for-children